banner livro

50 anos do Britten-Norman Islander

No último dia 13 de Junho há 50 anos voava pela primeira vez um avião que gosto muito. Estou a falar do Britten-Norman Islander. Aliás, 2015 me parece ser o ano de se completar meio século de aviões que têm peso histórico na aviação comercial, vide o DC9 que também completou 50.

BN2A

Dois ingleses, John Britten e Desmond Norman começaram trabalhando como manutenção terceirizada para o Sudão e aí desenvolveram o negócio de projetar aviões. O primeiro foi o BN-1, mas apenas em 1965 eles escreveram seus nomes na história quando o BN-2, um bimotor, asa alta, sistemas simplificados, preparado para operar em pistas curtas e SEM NENHUMA estrutura foi projetado, sobretudo para o mercado de regional com baixa demanda. Nascia ali o Islander. Posteriormente os dois desenvolveram o BN2-MK3, que é o Trislander, a versão esticada do Islander com um terceiro motor na cauda, um verdadeiro “DC10” de corda.

O Islander é uma máquina e tanto, com seus 15 metros de envergadura e peso máximo de 3 mil quilos, decola e pousa a velocidades baixíssimas, seu stall é previsto a apenas 64 km/h ou seja, 35 nós e transporta de 8 a 9 passageiros.

Aqui no Brasil está cada vez mais raro, hoje estão ativos um na Bahia (PT-KRO) e um em Fortaleza (PT-DYL), existem outros exemplares que voam muito pouco, sendo eles o PT-WOU, PT-KTR e PT-KQS. Ele já foi muito usado na aviação regional pela VOTEC por exemplo ou em termos mais recentes em ligações sistemáticas pela baiana AeroStar (Salvador – Itaparica / Salvador – Valença / Salvador – Morro de São Paulo / Salvador – Ituberá)

Os ingleses dedicaram este final de semana a comemorar no aeroporto-natal do avião, em Bembridge, Isle of Wight, o aniversário do Islander, inclusive com a apresentação da restauração (ainda incompleta) do G-AVCN, que foi o primeiro a ser entregue para operação comercial. Quem dera que no Brasil tiverem a mesma dedicação em 2019 quando o Bandeirante completar 50 anos, mas história e planejamento não é o nosso forte. Alias quem quiser saber mais sobre fatos do Islander, sigam este link: http://bnhistorians.co.uk

Parabéns a você cinquentão Islander, sem dúvida um dos meus aviões favoritos inclusive podendo ser mencionado ao lado do maior de todos <3 o Airbus A300! Boas lembranças voando o PT-KTR...

Tags: ,

Sobre o Autor

Alexandre Conrado, pesquisador de aviação e profissional no segmento desde 2001
Topo