banner livro

Ah, isso é que é pilotagem #video de domingo

Falar o quê desses caras? É assim que se voa no Alaska, aliás, recomendo ver a série Ice Pilots.

Atenção aos 2:30, pouso “em curva”, sensacional.

Verdadeira arte de pilotagem não acham?

Comentário do Goytá: Esse piloto é um caso à parte, mas lá há muitos pilotos e eles têm que ser mesmo muito feras. O Alasca é o lugar do mundo com mais aviões e mais brevês em relação à população. Tem que ser assim, porque o estado é imenso e não há estradas em boa parte dele. Dúzias de pequenas comunidades só podem ser acessadas por avião.

Estou falando de aldeias de 20 habitantes (vinte mesmo, não vinte mil) onde a outra aldeia mais próxima fica a 400 km de distância… Isso no verão, agora imaginem no inverno de lá, com nevascas pavorosas, noite polar por meses e temperaturas de até -50ºC em muitos lugares.

Provavelmente em nenhum outro lugar do mundo o avião é tão vital – se acabar o óleo diesel numa aldeia dessas no inverno, todo mundo morre, simplesmente! O Alasca já é em grande parte despovoado, mas seria (e era) mais ainda sem o avião. Além da aviação privada, o governo americano e o estadual dão subsídios às empresas aéreas para manterem serviços para pequenas comunidades que de outra forma dariam prejuízos.

Tags: ,

Sobre o Autor

Graduado em Manutenção de Aeronaves, com muito bom senso :) 30 anos de aviação comercial (e contando), de Lockheed Electra à Boeing 787. Tentando simplificar a complexidade da aviação.
Topo