banner pneufree.com

Brasília e o Jorge #Causo

Não resisti em contar um causo depois de assistir o vídeo do crash test com o Boeing 727 no último domingo no Fantástico, quando dublaram uma mensagem de aviso como “AVIÃO CAINDO, AVIÃO CAINDO!”. Essas traduções me matam de rir (e de vergonha também), mas logo me lembrei do Jorge e o Brasília.

O Emb120 Brasília é um avião manhoso, chato de se trabalhar e tem um sistema de aural warning (aviso auditivo), conhecido como “Miss Brasília”, mas ao mesmo tempo tem suas partes engraçadas e é uma boa escolinha para mecânicos. O causo que vou contar eu não presenciei, mas ouvi falar de um colega de uma certa empresa aérea. Estava o avião parado a noite em limpeza e os Mecânicos foram até a sala de Manutenção a poucos metros da aeronave, quando sabe-lá por que a “Miss Brasília” da aeronave começou a tocar um de seus avisos! O rapaz da limpeza imediatamente caiu fora da aeronave e entrou desesperado na sala de manutenção dizendo que o avião estava “possuído” por uma mulher fantasma que chamava pelo Jorge! JORGE, JORGE, JORGE com sotaque gringo! O Jorge que o rapaz ouviu era simplesmente o aviso de “DOORS, DOORS“.

Junto com o Jorge, existe agora a piadinha do David Neeleman assustando os pilotos da GOL a cada pouso, quando o avião fala “NEE-LE-MAN, NEE-LE-MAN“… que na verdade é o “Minimuns, Minimuns”!

A depender do ouvido do camarada dá para escutar coisas nada a ver mesmo, como o Fantástico provou.

A história do Jorge só não supera a do Duende da VASP, ocorrida na OceanAir em Salvador, onde uma dupla de colegas muito sacanas quase matou do coração outro camarada com a história de um duende que habitava as instalações abandonadas da Viação Aérea São Paulo, mas essa eu contarei mais a frente.

EMB120JORGE (1)

Tags: , , ,

Sobre o Autor

Alexandre Conrado, pesquisador de aviação e profissional no segmento desde 2001
banner livro
Topo