banner pneufree.com

DME: Equipamento de medição de distância na aviação

Eu, enquanto piloto, gosto de saber onde estou, e em três dimensões: altura, direção, e distância do meu destino. Pode até parecer meio óbvio, porém saber onde você está nem sempre é tão óbvio. Entre as ferramentas desenvolvidas para auxiliar a navegação há o equipamento de medição de distância, o DME cuja sigla significa Distance Measuring Equipment.

Definição

O sistema, que opera numa frequência da gama UHF na faixa de 960 MHz a 1215 MHz, determina a distância entre a aeronave e a antena da estação DME através da emissão pela aeronave (o interrogador) de pares de pulsos numa frequência pré-determinada aos quais a estação, através do transponder, responde com pares de pulsos emitidos numa frequência diferente. A diferença de tempo entre a emissão da interrogação e a recepção da resposta do transponder é convertida em distância utilizando um algoritmo adequado.

Rádio DMEO painel do receptor DME indica a distância da aeronave a partir da estação VOR em milhas náuticas (nm) e sua velocidade em relação ao solo em nós. Os sistemas VOR/DME possuem um alcance de aproximadamente 141 milhas náuticas (nm) ou 260 quilômetros (km).

O DME pode identificar a localização da aeronave utilizando a radial e a informação de distância de um VORTAC. Há apenas um ponto no espaço que é 27,5 milhas (44,25 km) afastado de uma estação VOR específica na radial 090. Se você souber qual VORTAC o rádio está sintonizado e conseguir localizar a estação em uma carta, você saberá onde está. Por essa razão, o DME também é utilizado para o estabelecimento de interseções e para localizar pontos de espera em voo. Sem um DME você precisaria utilizar as radiais de duas estações para calcular seu ponto no espaço.

O DME pode também ser combinado com sistemas de pouso por instrumento (ILS) e localizadores. Algumas dessas combinações possuem seguimentos de aproximação chamados arco DME, que descrevem um semicírculo que leva de um ponto de aproximação inicial para o curso de aproximação final. O piloto voa o arco usando o DME para manter uma distância constante do transmissor até cruzar o sinal do localizador (mas isso é assunto para outro post). Quando combinado com um sistema de aproximação, o DME possui um alcance de cerca de 40 nm (74 km).

Como reconhecer um VOR/DME em uma carta de navegação?

VOR/DME na carta de navegação Tipos de VOR/DME

Alcance inclinado
A distância entre uma estação VORTAC e o receptor DME do avião é chamado de alcance inclinado, pois é a distância real (física) entre os dois pontos. A diferença entre o alcance inclinado e a distância de um ponto no chão até a estação é desprezível a longas distâncias. Porém, quanto mais próximo a aeronave estiver da estação mais crítico será o erro do alcance inclinado, especialmente quando se voa dentro de um raio de uma milha da estação o erro será tanto maior quanto mais alto você estiver. Sendo assim, fique atento ao erros quando estiveres muito próximo à estação.

Alcance inclinado

Quão rápido?

Velocidade no solo (VS ou GS do inglês groundspeed) é a velocidade que uma aeronave está desenvolvendo em relação ao solo. O cálculo da velocidade no solo só é preciso se a aeronave estiver voando diretamente para ou a partir da estação. Sendo assim o piloto poderá utilizar esta função para determinar com exatidão a estimativa de tempo para o sobrevoo dos checkpoints¹ ou para o pouso no destino. A velocidade normalmente é exibida em nós.

¹ checkpoint: ponto de verificação no solo ou coordenada geográfica utilizada para verificar o correto progresso da navegação.

Bibliografia

  1. Cleared for Takeoff, copyright, King Schools, Inc., 1998
  2. Titus, Apostila de Navegação para PC/IFR, 13º Ed., 2008
  3. DME

Apoie a Wikipédia

Tags: , , ,

Sobre o Autor

Sou aluno do curso de Piloto Comercial e tenho como objetivo me tornar piloto de uma grande companhia aérea.
banner livro
Topo