banner livro

EDA 60 anos – Pirassununga

Blogando pelo celular para contar um pouco sobre o primeiro dia da comemoração dos 60 anos da esquadrilha da fumaça.
Cheguei por volta de 10 da manhã  e a chuva caía forte, com nuvens pesadas e sensação de que a festa seria estragada por São Pedro, aquele fanfarrão.

Acontece que mesmo com a chuva caindo, ouvimos o ronco inconfundível dos turbofans do FA-18 Super Hornet da força área americana taxiando para decolagem. Teto baixo, chuva e uma apresentação de arrepiar os pelos do braço, só para provar que o Hornet é um caça para qualquer tipo de tempo.
A demonstração incluiu uma passagem em pré-estol a 45 graus de ângulo de ataque, curvas de alta performance com pós-combustor acionado, loop quadrado, enfim, tudo que fez a audiência ter certeza que a Dilma deve esquecer o Rafale e fechar a compra de caças com a Boeing.

image

Por volta de meio dia a chuva começou a dar uma trégua e as apresentações ficaram melhores. Foram 4 displays de FA-18, os Halcones, a Marta Bognar fazendo wing walker e passagens da esquadrilha Oi e do E-190 azul.

image

Valeu muito a pena ter vindo, encontrei leitores e amigos do Blog com quem tirei fotos e o Márcio Inforzatto, de quem já mostrei as memorabilias da esquadrilha aqui no AeM e até um P3 orion pra matar saudades do Electra.

Se resta alguma dúvida de que vale a pena prestigiar o evento da esquadrilha, só posso dizer isso: a apresentação dos FA-18 foram melhores do que as que vi em Oshkosh ano passado. Durante a semana ponho vídeos e fotos.
Tá esperando o quê pra vir amanhã? Traga uma capa de chuva e divirta-se.

Tags: , ,

Sobre o Autor

Graduado em Manutenção de Aeronaves, com muito bom senso :) 30 anos de aviação comercial (e contando), de Lockheed Electra à Boeing 787. Tentando simplificar a complexidade da aviação.
Topo