banner pneufree.com

Não houve falha de motor no acidente da Continental.

O 737-500 da Continental Airlines que se acidentou mês passado durante a decolagem em Denver sofreu uma ruptura no tanque de combustível causando um vazamento sobre o motor da asa direita de acordo com os investigadores do NTSB. O investigador chefe Bill English disse que o relatório final vai levar pelo menos um ano para ser completado mas os investigadores nao tem qualquer indicação no momento de que houve falha nos motores. Ainda de acordo com ele, todas as evidencias da causa do acidente já foram analisadas, agora é só uma questão de montar o quebra-cabeças.

Tags: ,

Sobre o Autor

Graduado em Manutenção de Aeronaves, com muito bom senso :) 30 anos de aviação comercial (e contando), de Lockheed Electra à Boeing 787. Tentando simplificar a complexidade da aviação.
banner livro
Topo