banner livro

Os primeiros “Airbuses” no Brasil

Por Alexandre Conrado: Airbus. Este nome me é simpático, pois une duas coisas que gosto: avião e ônibus! Airbus é, sem dúvida, o grande responsável pela minha paixão por aviação, afinal, o Airbus A300 da VASP foi, e sempre será, meu grande amor. Sem hesitar, digo que minha grande frustração na vida é não ter trabalhado com o PP-SNL, SNM, SNN. Este tipo é presente no Brasil de forma massiva. Mas, afinal, quem foram os pioneiros?

Airbus A300

A TRANSBRASIL queria o A300 em 1973, após o Salão Aeroespacial de São José dos Campos, mas não vingou por razões obscuras. Coube a CRUZEIRO receber o PP-CLA em 20 de junho de 1980. A razão era simples: o produto era desconhecido e a VARIG usou a CRUZEIRO como laboratório. O avião era mágico e a VARIG, para não ser ofuscada pela CRUZEIRO, recebeu então o PP-VND e PP-VNE, que seriam PP-CLC, CLD na CRUZEIRO. Em 05 de novembro de 1982, meu feriado particular (risos), a VASP recebeu o PP-SNL, que voou até o fim da empresa. O A300 foi o primeiro avião grande a pousar em minha terra natal. 9 Airbus A300 estiveram no Brasil, mas só 7 voaram, já que dois cargueiros que a MTA iria ter, não saíram do chão. Voaram no Brasil as versões B2 e B4.

Airbus A300 da Cruzeiro

Airbus A300 da Cruzeiro

Airbus A310

A VASP tinha 9 A310 encomendados para sacar fora os 727-200 da frota, mas não teve financiamento, daí, os aviões foram para a DELTA/PAN AM. O A310, só chegou ao Brasil pela PASSAREDO em 1997. Ele jamais pegou no Brasil, apenas 2 unidades operaram pela PASSAREDO/BRA. A TAM teria o A310 para iniciar os voos ao exterior, mas optou por esperar o A330.

Airbus A310 da Passaredo

Airbus A318

Um dos aviões mais toy do mundo, com fuselagem curta e cauda grande, parece um brinquedinho. Introduzido pela AVIANCA BRASIL, o PR-AVH chegou em abril de 2011. A Avianca Brasil opera todos A318 do Brasil, são eles também os únicos do mundo equipados com motores PW, e eram da LAN, antes de virem para a empresa do German Efromovich.

Avianca A318

Avianca A318, foto de Roger Cannegieter

Airbus A319

O PT-MZA, saudoso MZA, foi o primeiro Airbus narrow-body Brasileiro. Chegou na TAM em julho de 1999 e aqui ficou até dezembro de 2012, hoje está parado em GYR, nos EUA. O avião também é operado pela Avianca Brasil e, justamente o PR-AVB, foi o avião da virada de marca da OceanAir para Avianca Brasil. Uma versão ACJ do A319, opera pela FAB e é o avião presidencial nacional.

A319 FAB

A319 FAB

Airbus A320

O A320 chegaria a VASP em 1992, mas não aconteceu, então, o PT-MZG foi o pioneiro! Desde fevereiro de 2000, este avião está na frota da TAM. Atualmente, a Avianca Brasil também tem A320 e é a outra operadora Airbus no Brasil.

Airbus A320

Airbus A320 – Foto Luiz Alves

Airbus A321

A garrafinha longneck da Airbus chegou na TAM através do PT-MXA, em julho de 2007. A TAM é a única operadora deste tipo no Brasil, com configuração de 220 assentos, o A321 faz rotas de alta densidade no país.

A321 - Foto Lvcivs

A321 – Foto Lvcivs

Airbus A330

A chegada do PT-MVA em Congonhas, no já distante 23 de novembro de 1998, colocou a TAM no mapa das empresas de bandeira e, até hoje, serve à companhia paulista. Cogitado até na VARIG, o A330 virou a cara da TAM e agora finalmente voará de azul na barriga, dessa vez pela Azul Linhas Aéreas. A excelência do tipo o credenciou para a carga, e a Avianca Brasil acabou de receber um novinho PR-ONV em 29 de abril, primeiro A330 cargo do Brasil. As empresas nacionais só utilizam o A330-200, a versão -300 não pegou por aqui.

A330 - Foto Lvcivs

A330 – Foto Lvcivs

Airbus A340

O “707” da Airbus (era assim que eu via esse avião quando criança), não colou no Brasil. Nem a versão -200 ou -300 voou com Bandeira Brasileira, somente a versão -500 operou na TAM por um tempo, com o PT-MSL e PT-MSN. Entre 2007 e 2011, estes aviões operaram e ainda hoje estão nas cores da TAM, porém estocados sem voar, aguardando o fim do contrato.

Airbus A340

Airbus A340 – Foto Remi Dallot

Não tivemos ainda A380, e duvido que tenhamos um dia! Mas vai rolar A350 da Azul.

azul-airbus

O Airbus e Eu

Bem, eu abri o artigo falando deste tipo. Desde que me entendo por gente, para mim, o A300 era referência, meu avião favorito! Voei A300, A319, A320, A321 e A330 com direito a jump, experiências inesquecíveis… E posso dizer que trabalho um pouquinho com o Airbus, afinal, tem muito Airbus dentro do ATR. Gosto do design de seus aviões, mas nada é mais lindo do que um A300…

Tags: ,

Sobre o Autor

Alexandre Conrado, pesquisador de aviação e profissional no segmento desde 2001
Topo