Camiseta Electra

Santos Dumont e seu maravilhoso Demoiselle, o reconhecimento na terra dos irmãos Wright

Demoiselle, primeiro avião  a ser construído em série no mundo

Demoiselle, primeiro avião a ser construído em série no mundo

Os irmãos Wright voaram primeiro, três anos antes de Santos Dumont.
Em 1908, já voavam por mais de duas horas, enquanto os europeus se mantinham no máximo 15 minutos no ar. Em 1916 já estudavam aerodinâmica em túnel de vento (foto abaixo).

Túnel de vento desenvolvido pelos Wright Brothers em 1916

Mas apesar disso tudo, Santos Dumont foi muito mais importante para a aviação como a conhecemos hoje. Os Wright fechavam seus voos para a imprensa, não permitiam a presença dela com medo de que seus projetos fossem roubados antes de serem patenteados.

Dumont não, ele sonhava com algo melhor para a humanidade e ao desvendar soluções magníficas em seu Demoiselle, disponibilizou seu projeto de graça para quem quisesse ter uma máquina voadora. E o Demoiselle foi o primeiro avião em série a ser construído, com mais de 300 unidades fabricadas, até mesmo nos Estados Unidos.

Apesar de tudo isso, Alberto Dumont não possui o reconhecimento do povo americano como um dos precursores da aviação, por isso a importância do projeto iniciado pelo falecido Fernando Arruda Botelho, de construir réplicas do Demoiselle e educar o mundo a respeito do pioneiro brasileiro.

Peço desculpas pelo vídeo abaixo, no dia em que a réplica do Demoiselle estava voando eu cheguei a Oshkosh com uns minutos de atraso, e quando ouvi as palavras pelo sistema de som e o barulho do pequeno motor, comecei a gravar sem ter tempo de trocar a lente da câmera, e acabei filmando em grande angular, mas vale a pena assistir e ouvir as palavras do narrador americano.

[youtube url="http://youtu.be/b5dDyShqDL4" width="560" height="315" fs="1"]

Considero Santos Dumont como o personagem histórico de maior importância do nosso país, e nem aqui ele tem o reconhecimento a altura do que fez.

Tags: , ,

Sobre o Autor

Um técnico com bom senso :) 28 anos de aviação comercial, de Lockheed Electra a Boeing 787. Tentando simplificar a complexidade da aviação.
Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. O Aviões e Músicas possui moderadores de comentários e se reserva o direito de apagar quaisquer comentários que sejam ofensivos ou que não contribuam para uma discussão saudável. Pontos de vista divergentes são muito bem aceitos e incentivados, desde que se mantenha o mínimo de civilidade. Este é um espaço para discutirmos aviação :)
  • Márcio

    Concordo com você Lito, quando diz que Santos Dumont foi o personagem histórico de maior importância do Brasil. Infelizmente valorizamos outras coisas por aqui, mas enfim…
    E bacana mesmo ver os norte-americanos lembrando, ainda que de maneira bem acanhada, o “Pai da Aviação”. Isso mesmo, pelo conjunto da sua obra e pela sua contribuição para pontos fundamentais do voo, Santos Dumont merece sim receber esse título. Agora, defini-lo como “pai do avião” já é bem mais complicado. Muita gente teria parte nessa paternidade e discutir quem é o inventor do avião dificilmente levará a um ponto comum e que seja justo.Outro coisa legal de mencionar é que Santos Dumont abriu mão da patente do Demoiselle. Tenho uma revista com o documento dele autorizando a liberação do projeto. Vou procurar e depois posto aqui. 

  • Ar-sousa2012

    Legal.

  • Generoso Ferrero

    Também concordo com você a respeito de Santos Dumont e esse vídeo com os americanos reconhecendo o seu grau de importância na aviação mundial é de respeito, mas veio um tanto quanto atrasado, não acha?

  • GabrielAP

    Não há desculpas a conceder, mas sim agradecimentos por trazer esse momento até nós. Bacana esse reconhecimento em solo americano, que são sabidamente nacionalistas e avessos aos feitos de estrangeiros, já que costumeiramente invocam para si o pioneirismo em tudo. Legal também a homenagem ao saudoso Fernando Arruda Botelho. Seu falecimento prematuro é uma perda enorme para a nossa aviação.

  • Goytá

    Gosto da definição daquele entrevistado na matéria que você lincou aqui uma vez: “Santos Dumont não foi o pai do avião, mas foi mesmo o pai da aviação.” São duas coisas diferentes. Agora, ele foi mesmo o pai do relógio de pulso, desenvolvido pela joalheria Cartier, de Paris, segundo especificações dele, que não queria perder tempo nem desviar muito o olhar dos instrumentos enquanto voava. Hoje o mundo inteiro usa as duas coisas.

  • http://www.facebook.com/fabricio.batera Fabricio Peres Batera

    O Brasil gosta de dar valor nas coisas que vem de fora, mas não olha para o próprio país, para o próprio povo.

  • http://www.facebook.com/ricardo.bonotto.5 Ricardo Bonotto

    Emocionante o video.

  • Sandro

    Não há prova científica de que os Wright voaram antes.
    Em função disto, quem fez o primeiro vôo foi Santos Dumont.
    Notem que sem prova científica, tudo é falácia.
    A prova deles só surgiu em 1908, quando até o Demoiselle voava por longos períodos também!

  • Roger Gomes

    Santos Dumon o PAI DA AVIAÇÃO, sem a ganacia tipica dos americanos, ele distribuio o projeto para que todos podessem voar. TENHO MAIOR ORGULHO DE SER BRASILEIRO

banner aem
Topo