banner pneufree.com

Um avião que faz chover? Como isso é possível?

Avião que faz chover? O inscrito Edson Lima viu uma reportagem que, para tentar elevar o nível de represas que estão passando por períodos de baixo volume de chuvas, estavam usando um avião para fazer chover.

Já visitou a loja do aviões e músicas? Lá além de ter sempre muitas novidades, você pode assinar o clube de leitura Aerobook by aviões e músicas! www.lojadoavioesemusicas.com.br

Mas vamos lá um avião que faz chover? Bem.. Dependendo do tamanho do avião pode fazer até uma tempestade. Mas vamos com calma que não é assim que faz chover.

Apesar da aparência, a quantidade de água lançada por esse 747 não faria a menor diferença em um reservatório. Seriam necessários 34 aviões desses para encher uma única piscina olímpica. E o que pode ter água suficiente para abastecer reservatórios? Bom, uma nuvem de tempestade pode ter até meio milhão de toneladas de água, ou 6400 Boeings 747 iguais ao do vídeo.

E pra fazer com que a água que está nas nuvens consiga descer para os reservatórios é que se usa o avião num processo conhecido como “semear nuvens”.

Esse processo não é nenhuma novidade, na década de 1940, o cientista atmosférico Bernard Vonnegut descobriu que partículas de iodeto de prata podiam fazer com que nuvens super-resfriadas de vapor d’água congelassem e se transformassem em neve em laboratório. Partículas como o iodeto de prata em forma de pó, podem fornecer um meio no qual as moléculas de água podem congelar. A técnica tem sido usada por militares e governos civis desde então.

Mas, apesar de décadas de operações de semeadura de nuvens, a prova de que a técnica funciona fora de nuvens miniaturizadas criadas em laboratório é inconclusiva.

Um motivo para isso é que os instrumentos de décadas passadas não conseguiam medir o tamanho das gotículas de água nas nuvens em tempo real. Sem saber como uma nuvem evolui após a semeadura, os cientistas não tinham certeza se o iodeto de prata estava fazendo alguma coisa. Outro motivo é que a natureza caótica do clima torna os experimentos naturais controlados quase impossíveis. Depois de semear, você está contaminando a nuvem. Você não pode repetir o experimento porque nunca mais terá as mesmas condições atmosféricas (mesma nuvem, mesma temperatura, mesma concentração de gotículas).

Mas os instrumentos mais novos convenceram os cientistas de que era hora de outra abordagem e aí?! Dá um play que agora é hora de mais um Aerolito, como será possível um avião fazer chover?

Tags: , , , ,

Sobre o Autor

Equipe Aviões e Músicas [email protected] [email protected] (11) 9 6920-3129 (Comercial)
banner livro
Topo